Todos os posts de Ernesto Friedman

Melhor comprar parcelado ou à vista com desconto?

O cidadão comum não entendem nada de matemática financeira. Juros são uma abstração complicada que o povão trata da maneira mais simples: paga o que lhe pedem! O povo vive cercado de ofertas que utilizam expressões como “juro zero” ou “tantas vezes sem juros”. As empresas que usam essa conversa estão no limiar da mentira deslavada. Na verdade, já passaram desse limiar faz tempo. Dizer que pagar um preço cheio à vista é igual a pagar o mesmo preço em certo número de parcelas é mentira pura e simples. É boa maneira de treinar o cidadão para ser ludibriado.

O aplicativo Melhor à Vista? ajuda as pessoas a escolherem certo entre comprar em prestações e pagar à vista. O app calcula o valor do desconto a partir do qual é melhor fazer a compra à vista. Com ele, o consumidor pode facilmente fazer as contas que precisa para não passar por otário. Para mais detalhes, veja o site do aplicativo Melhor à Vista

Caetano cantou na posse da nova presidente do STF Carmem Lúcia

Foi bonito. Caetano é um dos gênios da música brasileira e, sem dúvida, do mundo. Gênio não tem nacionalidade. O evento da posse de Carmem Lúcia foi um pouco diferente do provável protocolo mais sisudo. 

Eu queria que fosse mais sisudo. A ministra assumia, fazia um breve discurso apontando os problemas que vai endereçar em seu mandato à frente do STF e todos ao trabalho. Me incomoda essa presepada que cerca tudo que acontece no STF. É tudo sofisticado e hermético. Fala-se um português só entendível por uns poucos iniciados. Os depoimentos são ricos em citações literárias que pouco têm a ver com o tema que deveria ser o centro das atenções: Justiça. 

E lá foi Caetano cantar na posse da ministra. No meu aniversário ele não cantou. O cachê do nobre artista é altíssimo com razão. Mas ele não cobrou nada. Foi em deferência à amiga. Ou uma gentileza com Sua Excelência a fã. 

Me coça a pergunta: Se Caetano ligar pra Carmem Lúcia para fazer lobby de algum interesse dele ou da classe artística, a ministra atende a ligação? Se tu ligar, ela atende? Será ela mais simpática ao que serve a Caetano? Sei não. Preferia um evento menos cool. Caetano podia enviar uns ingressos de seu próximo show para a Ministra. Ela poderia aceitar, claro, se o valor dos ingressos for inferior ao limite estipulado pelas normas éticas do STF. 

Depois que reli o texto acima, aprendi mais uma coisa: sou ingênuo mesmo. 

IPTU 2016 Rio de Janeiro, melhor pagar à vista ou parcelado?

Resposta: depende! O desconto de 7% oferecido pela prefeitura para o pagamento à vista, corresponde a atualizar o fluxo de pagamentos parcelados a uma taxa de juros de 1,65% ao mês. Assim, se você tem dinheiro investido numa caderneta de poupança, que rende minguados 0,5 % por mês ou num fundo de investimentos que proporcione rentabilidade de 0,7% ao mês, vale a pena sacar e pagar a cota única. Você estará trocando uma rentabilidade de 0,5 ou 0,7 % por uma bem mais alta, de 1,65% ao mês.

Se você está pegando empréstimo ou (deus o livre) está usando o cheque especial, vale a pena pagar parcelado. Guarde seu dinheiro para quitar suas dívidas de juros altos. É o caso de quem tem uma empresa e está pegando empréstimo a juros superiores a 1,65% ao mês, por exemplo, 2% ao mês, que é valor comum no mercado hoje. Nesse caso, o melhor é pagar o IPTU dividido nas dez parcelas oferecidas pela prefeitura.

As sugestões acima não consideram o custo operacional de pagar em parcelas, que corresponde a programar todos os pagamentos ou lembrar todo mês de pagar o IPTU. Se você esquece uma, aparecem custos e a opção já fica mais cara. Se você tem grana, a melhor opção é não fazer muita conta e pagar tudo de uma vez.

De todo modo, seja otimista, se você é um feliz proprietário de casa própria, relaxe e veja pelo lado bom. Tenha certeza de que a prefeitura usará seu dinheiro da melhor forma. Rsrs

Observação: Alguns sites e comentaristas de economia erram no cálculo dos juros que devem ser usados para tomar a decisão sobre pagar o IPTU à vista ou parcelado. Esquecem que a primeira parcela coincide com o pagamento à vista. Quando cometem esse erro, o valor dos juros a serem comparados passa para 1,35%. Não muda as decisões recomendadas. Mas surpreende o pessoal errar em cálculo financeiro tão primário.

Preços dos imóveis caem 10% ao ano

fonte: O Globo

O jornal O Globo de hoje (24.01.2016) publica sua estatística semanal da evolução do preço dos imóveis no Rio de Janeiro. Os gráficos, representando os valores médios dos preços nos últimos seis meses, mostram estabilidade. Exemplo: os preços dos três quartos em Ipanema seguem firme na casa dos R$2,8 milhões. Aparentemente, o mercado está andando de lado. Mas, precisamos lembrar que temos a inflação da Dilma, na faixa dos 10%. Assim, os preços estabilizarem significa, na realidade, que estão despencando 10% ao ano. Continue lendo Preços dos imóveis caem 10% ao ano

Gosta de ouvir David Bowie? Então veja-o!

Bowie saiu do ar em grande estilo, fazendo jus a sua prática camaleônica. Valeu Ziggy. Não me canso de ouvi-lo ainda hoje na dançante Modern Love. Tenho uma sugestão sobre este artista especial que sai de cena: vejam ou revejam o filme “O Estranho que Caiu na Terra“. Um dos melhores filmes de ficção-científica já feitos. Tá na minha lista dos cem melhores filmes. Não sei se é um filme noir ou apenas depressivo, mas é impossível não se deixar cativar pelo personagem do alienígena interpretado por David Bowie. Não é de surpreender. David Bowie é o próprio estranho que veio dar no nosso planeta. Salve David Bowie. Well done. 

Evolução vencendo Criacionismo nos EUA 

Boa notícia. Os jovens americanos cada vez mais se consideram “nones”, quer dizer, não abraçam nenhuma religião. Também não acreditam que a humanidade sempre esteve por aqui, desde o começo dos tempos, como advogam os criacionistas e grande número de religiões.  

A revista Slate registra que, de 2009 para hoje, o número de pessoas que acredita na evolução secular (quer dizer, nossa existência no mundo não ter a ver com intervenções divinas) pulou de 40% para a maioria de 51%. Good News. O motivo maior da mudança foi o envelhecimento e morte dos que acreditam nas superstições religiosas. O fato é que as pessoas mais velhas têm posição mais conservadoras, tendendo a acreditar mais nas fantasias religiosas, tais como o Criacionismo. Mas os mais velhos morrem e são substituídos por uma geração mais esclarecida.

A morte dos conservadores se reflete sobre outros aspectos de nossas vidas. O movimento dos direitos dos gays tem um nome para isso: “generational momentum”. Algo como “evolução das gerações”, que é um “nome polido para dizer morte”. Assim diz o maior arquiteto da luta pelo casamento gay: “Esta é nossa arma secreta: as pessoas velhas morrem.”