Bargaço

Rua Gaspar Silva Cunha, 25. Salvador. (ver mapa) tel. 71 3231-3024‎.

(em 07.10.2006)

Quando passo em Salvador, aproveito para saborear as moquecas e ensopados. O Bargaço é dos restaurantes tradicionais da cozinha baiana, ponto de convergência de turistas que querem provar moquecas e outras comidas baianas. As mesas grandes são a prova que a turistada chega de rodo.

Há muito não ia lá. Como sou conservador, depois de longa ausência, atirei no certo, pedi a moqueca de camarão. Maravilha. Acho que os camarões estavam maiores que do Yemanjá (que não quero dizer que seja grande diferencial, pois a moqueca de lá também é muito boa) e a combinação do molho com a farofa amarela é show. Se você não gosta do dendê, pode pedir o ensopado de camarões que é um sucesso. A caipirinha ou caipivodka de caju é comum na capital baiana e também faz sucesso no Bargaço. Uma cocada baiana, apesar de muito doce, é bom fecho para a comilança.

Temos que reconhecer que eles sabem das coisas. O povo do dendê toca a vida num ritmo diferente, que cativa uns e exaspera outros. Os cariocas têm admiração especial pelos baianos. Têm inveja de como eles são ágeis em sua lentidão. Essa gente toca as coisas com jeito de despreocupado, devagar e, de todo jeito, as coisas dão certo. Na verdade, a abordagem dos baianos é heterodoxa. Quem não entende, relaxa e aproveita. Acho que sou um deles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.