Vicolo Nostro

Rua Jataituba, 29. Brooklin. tel. (11) 5561-5287clique aqui para ver o mapa

bom restaurante fino de Sampa

É lugar fino de São Paulo. Daqueles que a gente entra e encontra o povo de terno, acompanhado de mulheres muito bem tratadas. A riqueza paulistana exuda no salão. A decoração de tijolos aparentes e plantas criam ambiente aconchegante. Mesas grandes atendem bem a casais e grupos elegantes. O endereço é difícil de achar. Os motoristas de táxi se deliciam em rodar – o taxímetro ligado – procurando o local. Numa ruazinha do Novo Brooklin, onde não se espera encontrar nada, surge a casa com guardadores de carros na porta. É ali.

Minhas idas ao Vicolo Nostro passam sempre por uma combinação de salada seguida de uma massa. Não estou muito errado, pois o forte do lugar são as massas italianas. O restaurante não decepciona. As saladas são visualmente impressionantes e saborosas. Trazem alguma novidade na combinação. As massas, seja um ravióli recheado de cordeiro ou outra com recheio de bacalhau, apuram nosso paladar. Deve haver outros veios para serem explorados. Eu é que sou um sujeito limitado. Financeiramente também. O Vicolo é caro. Quantas vezes você já pagou R$6 por um expresso? Pois é. O serviço traz um sortido de paezinhos para humilhar os visitantes do Rio, acostumados à má qualidade dos pães cariocas. Os vinhos são caros. O razoável argentino Alamos, sai por R$75. Um exagero. Entretanto, a escolha, auxiliada por solícito sommelier, mostrou-se muito boa para acompanhar o jantar.

Para quem tem bolso forrado o restaurante merece visitas. Um jantar para dois, dividindo uma salada e uma massa, acompanhadas do vinho citado acima, fica por R$110. Que fique o registro: tudo estava irrepreensível, com destaque para a usual qualidade do atendimento das casas de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.