iPhone x Blackberry

O iPhone vai ocupar mesmo o mercado dos smartphones (digo: mais ainda). O Galaxy tá brigando bem e deve assegurar parte do mercado para a dupla Sansung/Android. Mas, e o Blackberry? Esse tá caminhando pro fim. O curioso é que o BB funciona bem. O produto entrega o que promete. Como aparelho empresarial, é excelente. Tem telefone, contatos, correio, mensagem instantânea, agenda e “to do” integrado com o sistema Notes (IBM) da empresa que avaliei. O iPhone já dispõe de App para o serviço integrado com correio, contatos, correio e agenda do Notes (IBM). Não tem as mensagens instantâneas e o “a fazer”.  Isso faz diferença para quem usa o aparelho para trabalhar. 

Outra vantagem profissional do BB é sua bateria, que dura cerca de dois dias. O iPhone, se usado um pouco mais intensamente, não aguenta um dia. Os aficcionados dizem que é “só” usar o carregador durante o dia, diminuir a luminosidade da tela e desligar o wifi que a bateria funciona. Como assim? Ridículo. Agora entendi, se eu deixar ele desligado deve durar por meses. 

No resto, o iPhone dá aquele show de recursos da Apple. O bicho é bonito e vira objeto de fetiche. Sua tela maior permite acessar a internet e, por exemplo, “postar” esse texto, como estou fazendo. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.