Arquivo da tag: mundo digital

temos medo de sair às ruas com câmeras fotográficas

É uma característica do brasileiro nos centros urbanos. Temos a certeza de que estamos sempre sendo observados como alvos potenciais para um assalto. Uma câmera, em particular as DSLR mais chamativas, é o típico objeto de interesse dos assaltantes de rua. Dá medo sair com uma na rua. As vendas de câmeras parecem evidenciar o receio do brasileiro de sair às ruas com máquinas mais vistosas. Matéria do site G1 mostra que no Brasil só 1% das máquinas vendidas estão na faixa das DSLR. No mundo, este percentual está em 10%. Um fato que comprova a paranóia dos usuários das câmeras fotográficas maiores é apreciado quando se vai, por exemplo, a pontos turísticos onde a segurança é maior. O Jardim Botânico do Rio é um caso desses. Por lá, como de repente, aparecem vários fotógrafos portando seus equipamentos mais sofisticados. No Centro da cidade do Rio de Janeiro, quase não se vê os ousados fotógrafos. Continue lendo temos medo de sair às ruas com câmeras fotográficas

iPhone x Blackberry

O iPhone vai ocupar mesmo o mercado dos smartphones (digo: mais ainda). O Galaxy tá brigando bem e deve assegurar parte do mercado para a dupla Sansung/Android. Mas, e o Blackberry? Esse tá caminhando pro fim. O curioso é que o BB funciona bem. O produto entrega o que promete. Como aparelho empresarial, é excelente. Tem telefone, contatos, correio, mensagem instantânea, agenda e “to do” integrado com o sistema Notes (IBM) da empresa que avaliei. O iPhone já dispõe de App para o serviço integrado com correio, contatos, correio e agenda do Notes (IBM). Não tem as mensagens instantâneas e o “a fazer”.  Isso faz diferença para quem usa o aparelho para trabalhar. 

Outra vantagem profissional do BB é sua bateria, que dura cerca de dois dias. O iPhone, se usado um pouco mais intensamente, não aguenta um dia. Os aficcionados dizem que é “só” usar o carregador durante o dia, diminuir a luminosidade da tela e desligar o wifi que a bateria funciona. Como assim? Ridículo. Agora entendi, se eu deixar ele desligado deve durar por meses. 

No resto, o iPhone dá aquele show de recursos da Apple. O bicho é bonito e vira objeto de fetiche. Sua tela maior permite acessar a internet e, por exemplo, “postar” esse texto, como estou fazendo. 

Quem vale mais: Google ou Facebook?

Os sites vivem principalmente da propaganda que aparece insidiosamente na lateral direita da tela. É ali que os anúncios pagos são exibidos e rendem bilhões de dólares por ano para os sites de busca, correio, vídeos, redes sociais etc. O jornal O Globo de 29.06.11 publicou informação interessante para sabermos quem vale mais, Google ou Facebook? O Google é acessado por mais pessoas (ainda!). Em maio de 2011, foram 180 milhões de acessos para o Google contra 157 milhões do Facebook. Entretanto, as pessoas ficam mais tempo e acessam mais páginas nos sites de rede social. Os usuários do Facebook visitaram 103 bilhões de páginas e ficaram 375 minutos no site. Já o pessoal do Google visitou somente 47 bilhões de páginas e ficaram 231 minutos no site. Assim, os usuários do Facebook ficam mais tempo expostos aos anúncios publicados na rede social. Não sei se o tipo de usuário e o tipo de acesso influem em quanto o anúncio vai ser eficiente, mas o indicador de tempo de visibilidade do anúncio é relevante. E continua a briga de cachorros grandes.

a saga do Windows 7 que a Dell demorou 16 meses para entregar

15.04.2011 A Dell entregou enfim o CD do Windows 7. Puxa vida! Que emoção chegar do trabalho e encontrar um simples CD com o desejado produto que adquiri. Agora, já posso instalar o Windows 7. Curiosidade: Na semana em que recebi o moderno sistema operacional a Microsoft informou que entregará o Windows 8 num pendrive. Tá vendo? Se a Dell mantivesse sua agilidade quelônica, eu já poderia me candidatar a receber a versão 8 do sistema operacional de Mr. Gates. Mas a Dell está cada dia mais dinâmica, logo após me entregar o CD, tomou o cuidado de responder à minha reclamação na seção de defesa do consumidor de O Globo informando que “já” havia resolvido o problema. A nota da Dell tem uma frase que deve ser padrão em sua correspondência com clientes, mas que beira o sarcasmo se consideramos que levou 16 meses para me entregar algo que eu adquiri e paguei. Vejam que primor: “A DELL ressalta que preza pela qualidade do atendimento prestado aos seus clientes e visa sempre a sua melhoria a fim de que os mesmos permaneçam constantemente satisfeitos.” Continue lendo a saga do Windows 7 que a Dell demorou 16 meses para entregar

Chegou o iPad no Brasil … e já deram um jeito de trambicar os brasileiros

Começaram as vendas por aqui. O preço é mais salgado que nos EUA. Lá, comprando em dólares, sai por cerca de R$1000. Aqui no Brasil, a versão mais barata começa sendo vendida por R$1650. Vai vender muito nesse Natal. É um brinquedo fascinante. Mas já colocaram o molho brasileiro no preço do produto. Pobre do consumidor! Continue lendo Chegou o iPad no Brasil … e já deram um jeito de trambicar os brasileiros